RECEITA FEDERAL previsão do início da EFD REINF 2.0

Receita publica previsão do início da EFD REINF 2.0

A Receita Federal publicou um comunicado nesta última quarta, 20 de janeiro, a respeito do início da versão 2.0 da EFD REINF, etapa em que entrará em vigor os registros envolvendo as retenções diversas (CSLL, IRRF, PIS/COFINS) etc.

Segundo previsão do órgão, a previsão atual é de que o layout seja publicado atualizado até setembro de 2021, com prazo de implantação e produção para as empresas a partir de março/2022, data em que todas as empresas já estarão entregando os demais blocos e registros.

No comunicado, a Receita Federal confirmou que em maio de 2021 entra em vigor a EFD Reinf 1.5, versão que não teve muitas alterações ou mudanças em relação a vigente até o momento (1.4).

“Muitas pessoas ainda estão despreocupadas com a EFD REINF, que terá início em maio/2021 para o Grupo 3 – Simples Nacional.  A verdade é que esse não é mais um bicho de sete cabeças, pois um dos nossos treinamentos ajuda os profissionais a encontrarem o caminho e não se preocuparem com erros e multas na entrega da EFD REINF”, comenta Hans Misfeldt, criador da Contábil Play. 

Confira a íntegra do Comunicado RFB nº 01:

Comunicado RFB nº 01, de 13 de janeiro de 2021
Assunto: Estabelecimento de cronograma de implantação da EFD-Reinf.

1. Tendo em vista o Ato Declaratório Executivo nº 67, de 12 de novembro de 2020, que aprovou a versão 1.5 dos leiautes da Escrituração Fiscal Digital de Retenções e Outras Informações Fiscais (EFD-Reinf), a presente nota trata do estabelecimento de cronograma de implantação da EFD-Reinf, nos termos que seguem:

2. Implantação da versão de trabalho – EFD-Reinf versão 1.5

Publicação do leiaute: 12/11/2020

Produção restrita (ambiente de testes): 01/03/2021

Início da versão 1.5 (ambiente de produção): 10/05/2021

3. Previsão de novas implementações – EFD-Reinf versão 2.0

Especificação do leiaute: a partir de julho/2021

Publicação do leiaute: até setembro/2021

Produção restrita (ambiente de testes): a partir de janeiro/2022

Início da versão 2.0 (ambiente de produção): a partir março/2022

4. Destaca-se que, havendo necessidade de ajustes não estruturais na versão de trabalho 1.5, estes poderão ser realizados a qualquer tempo, dependendo da urgência e dos impactos resultantes e considerando o tempo mínimo necessário aos desenvolvedores para ajuste em suas aplicações.

José Barroso Tostes Neto
Secretário Especial da Receita Federal do Brasil

Fonte: Sped e Contábil Play

BLOCO K – Escrituração completa OBRIGATÓRIO em janeiro 2021

Bloco K do Sped Fiscal - Fique atento às novidades e prepare-se de acordo  com o prazo - Teklamatik

1º de janeiro de 2021, correspondente à escrituração completa do Bloco K, para os estabelecimentos industriais classificados na divisão 23 e nos grupos 294 e 295 da CNAE;     

1º de janeiro de 2022, correspondente à escrituração completa do Bloco K, para os estabelecimentos industriais classificados nas divisões 10, 13, 14, 15, 16, 17, 18, 19, 20, 21, 22, 24, 25, 26, 28, 31 e 32 da CNAE.   

Fonte: Portal Tributário

eSocial/SPED: Publicado o Comunicado Conjunto RFB/SEPRT 01 de 13 de janeiro de 2021

perguntas e respostas sobre o eSocial

Foi publicado o Comunicado Conjunto RFB/SEPRT nº 01, de 13 de janeiro de 2021, que estabelece o cronograma de implantação do novo leiaute do eSocial Simplificado (versão S-1.0).

Implantação da versão de trabalho – eSocial Simplificado

 Publicação do leiaute: 11/11/2020.

 Produção restrita (ambiente de testes): 01/03/2021.

 Início da versão S-1.0 (ambiente de produção): 10/05/2021.

 Período de convivência entre as versões 2.5 e S-1.0: 10/05/2021 até 09/11/2021.

Para ter acesso ao Comunicado publicado no Portal SPED, clique aqui


Fonte: Portal eSocial e Portal SPED.

SPED Fiscal: Publicada a Instrução Normativa RFB 2004 de janeiro de 2021 – Prazo ECF de volta ao normal, até o último dia útil do mês de JULHO 2021.

ECF: o que é, prazo, obrigatoriedade e cuidados - Domingues e Pinho  Contadores

Foi publicada no Diário Oficial da União (DOU), nº 13, Seção 1, página 47, de 20/01/2021, a Instrução Normativa nº 2004, de 18 de janeiro de 2021, que dispõe sobre a Escrituração Contábil Fiscal (ECF) para consolida as informações da Instrução Normativa RFB nº 1422, de 19 de dezembro de 2013, e alterações posteriores. Além disso, traz atualizações de texto no Art. 7º.

Fonte:Portal SPED.